Learn and Speak languages with native speakers

Por que é tão importante aprender um novo idioma?

Aprender idioma pode ser fonte de prazer

Traduzido por Sabrina Sattnin

Por que, de fato? A pergunta nunca foi respondida no século 19, já que as pessoas cultas da época acreditavam que falar idiomas era importante, mas a realidade de hoje pede resposta. Qualquer entusiasta de idiomas já teve que responder a pergunta usual: "Por que diabos você faz isso?" mais de uma vez, e, geralmente, ela não é respondida gentilmente, mas com muito desdém.  Frequentemente, esse desdém é só uma máscara que pretende esconder ciúmes, e muita gente, verdadeiramente, não entende o porquê de "perder tempo" com uma atividade dessas.

Oportunidades de Trabalho


Ainda assim as respostas parecem estar na superfície. Pelo menos o inglês parece necessário para uma carreira de sucesso. Para um gerente geral chega a ser inegociável um nível proficiente já que apresentações e negociações exigem total fluência e gramática decente. Se você fala a língua de seus parceiros de negócio de uma forma hesitante, "quebrada" ou não a fala, você corre o risco de ser protelado por eles e eles, provavelmente, vão preferir negociar com o seu competidor; mas se você domina o idioma deles tão bem a ponto de quase se passar por um nativo, você só tem a ganhar porque quase todo mundo vai admirar o seu esforço.   As pessoas que fazem negócios com empresas localizadas na França precisarão de francês fluente pelo mesmo motivo; e com o rápido crescimento do mercado Chinês no Leste, o mandarim vem se tornando moda. Idiomas não têm só a ver com negócios, mas...


Aprenda inglês online

Viagens e amizades


Se você é ávido para ver a linda arquitetura da Itália e Espanha com os seus próprios olhos ao invés de pela TV, aprender as respectivas línguas a, pelo menos, um nível A2 vai lhe tornar muito mais independente durante as suas viagens para esses países. Se você gosta de fazer amigos online, saiba que até mesmo uma única língua estrangeira vai abrir muito os seus horizontes, e quanto mais línguas você domina, mais amigos você pode fazer.  Você será capaz de se comunicar em mídias sociais, fóruns, mensagens de texto e, quem sabe, até visitar os seus novos amigos e conhecer seus países durante o processo. Mas se você só fala uma língua, todas essas oportunidades não estão disponíveis para você.

 

Por que é tão importante aprender um novo idioma?

Romances no idioma original


Se você gosta de ler, idiomas podem lhe dar um presente muito especial: a habilidade de ler os seus autores favoritos na língua original. Qualquer tradução - até mesmo uma muito boa - sempre perde alguma coisa. Agatha Christie, por exemplo, amava fazer de alguma peculiaridade do inglês uma solução para a resolução do crime, como um duplo sentido de alguma palavra ou duas maneiras diferentes de soletrá-la, e isso é impossível de se traduzir na maioria dos casos. Alguns de seus contemporâneos, como por exemplo, G.K. Chesterton também pecou com os “pobres” tradutores de forma similar a Agatha Christie; e "As aventuras de Alice no País das Maravilhas", de Lewis Carroll, se tornou quase que proverbial por seus trocadilhos. Todos os livros escritos por esses autores famosos têm sido traduzidos em centenas de línguas, mas muitos perdem fidelidade nas traduções.



Vozes originais em filmes


Acontece a mesma coisa com os filmes. Sotaques diferentes, gírias, erros intencionais colocados para nos dar uma ideia da referência cultural dos personagens, exemplos do humor local; tudo isso é quase impossível de se reproduzir em um outro idioma, apesar dos esforços dos tradutores.  E não importa quando uma música é traduzida, ela, geralmente, se torna uma canção completamente diferente, então, se você é fã de um certo cantor ou banda, aprender sua língua é imprescindível, ou o prazer de escutar os seus grandes "hits" será incompleto para você.  
A lista pode se estender muito, e todos esses aspectos sobre a importância de idiomas, como eu disse, ficam na superfície, mas tem um outro lado sobre falar uma segunda língua que é menos prático e muito menos mencionado. Meus caros entusiastas linguísticos podem confirmar, tenho certeza, mas para a maioria dos meus leitores o que eu vou dizer pode parecer um tanto inesperado. Ainda assim, é verdade.



Entretenimento durante a aprendizagem


Como qualquer outro "hobby", provavelmente mais do que a maioria, idiomas não só tornam a sua vida mais rica e satisfatória, como podem ajudar em momentos difíceis, seja ele qual for. Quem pergunta a um aspirante a poliglota a usual "que diabos..." geralmente assume que aprender um idioma é uma tarefa árdua e ingrata, e que quem escolhe esse "passatempo" deve ser masoquista. Ledo engano! Para aqueles com o "dom", aprender idiomas é, na verdade, uma das atividades mais prazerosas do mundo e os desafios a fazem ainda mais instigante.   É por isso que, como eu disse no começo do parágrafo, idiomas podem se tornar uma "tábua de salvação" quando a vida se torna difícil, e sobre isso eu posso falar por experiência pessoal.  Eu entendo que isso pode não funcionar assim para todo mundo, mas você não saberá se você é um "nerd” de berço para línguas ou não até que você se arrisque. E, às vezes, a percepção que a aprendizagem de idiomas é a sua verdadeira vocação pode chegar mais tarde na vida.

 

Você gostaria de ser um poliglota?


Nem todo mundo vai se tornar um poliglota: isso exige uma certa aptidão e muita dedicação.  Mas, qualquer pessoa que "dá conta" de sua própria língua nativa pode aprender, pelo menos mais um ou dois idiomas.  Tem muitas razões para se aventurar. Eu já mencionei algumas, mas tem outras. Voltando para o lado prático das coisas, me deixe nomear algumas das profissões abertas para pessoas multilíngues: tradução, interpretação, redação, ensino (incluindo à distância) e muito mais. O idioma passaria, então, a uma "rede de segurança", um "guarda-chuva" para dias de chuva, uma fonte de renda estável e confiável. É isso, a longo prazo, vale a pena o esforço.